Vamos imaginar que ao amostrar um sinal qualquer, tenhamos obtido a seguinte sequência:     e, num exercício de poderes psíquicos (ou matemáticos, preferívelmente), desejássemos estimar sua próxima amostra. Como poderíamos proceder? – Chamamos um vidente? – Usamos o Olho de Agamotto?…

read more

Assim como prometido em nosso último relato, traremos aqui uma apresentação mais detalhada do modelo de Liljencrants-Fant (LF) [1]. Ora, o modelo LF surge a partir da junção do modelo de Liljencrats com o modelo de Fant, acrescidos do uso de uma…

read more

O Teorema do Lençol Curto (TLC) dispensa formalizações, sendo mundialmente conhecido e creditado ao pesquisador brasileiro Eduardo O. Freire. Menos conhecido, porém, é o fato grave relatado apenas em livros inacessíveis do Vaticano, e subliminarmente mencionado nos trabalhos do historiador português Eduardo…

read more

Em continuidade ao trabalho desenvolvidos nos relatórios anteriores sobre estimação de formantes, aproveitando a, até então, abordagem bem sucedida para a remoção da influência da frequência fundamental, foquei por um instante numa definição mais coerente para a ordem do preditor linear aplicado….

read more

É explicado neste texto como sinais digitalizados de voz podem ser processados com a finalidade de modificar sua duração (deformação temporal) e/ou a frequência fundamental da voz, sem alterar as formantes da fala (as formantes da fala correspondem às frequências de ressonância…

read more

Continuando o trabalho desenvolvido no estudo da a estimação de pulso glotal e influenciados por um aprofundamento na literatura existente, pensamos em uma nova abordagem para os próximos passos do trabalho. Dessa maneira, procuramos estudar os métodos já existentes, por meio da…

read more